Minha lista de blogs

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

NORMAS ABNT PARA TRABALHOS ESCOLARES

APRESENTAÇÃO 

De início é necessário fazer uma distinção entre normas e padrões. As normas da ABNT para  apresentação de trabalhos acadêmicos constituem-se de preceitos (regras, princípios) a serem seguidos, visando a obtenção da qualidade formal na produção científica. Os  padrões são modelos de formatação recomendados, com base nas próprias diretrizes da ABNT, que podem  ou não ser acatados. Para facilitar de um modo prático a apresentação formal desses trabalhos, este manual oferece não apenas a normalização, como também uma padronização a ser seguida.


FORMATO DE APRESENTAÇÃO (NBR 14724/2011)
O formato de apresentação do trabalho acadêmico foi alterado com a norma 14.724/2011, permitindo a impressão frente e verso e com espaçamentos menores, contribuindo assim com o meio ambiente.


Papel e fonte:
- Formato A4 (21,0 x 29,7 cm)
- Texto cor preta
- Ilustração pode ser colorida
- Fonte tamanho 12 para o texto
- Fonte tamanho 10 para citação longa, nota de rodapé, legenda e paginação;
- Fontes (Times New Roman ou Arial
- Margens: superior 3cm, inferior 2cm, esquerda 3cm, direita 2cm;
- Parágrafo com recuo de 2cm;
- Citação longa (+ 3 linhas) com recuo de 4 cm;

Espaço entre linhas (espacejamento)
- Espaço 1,5 - todo o texto;
- Dois espaços de 1,5 - separando cada título e subtítulos do texto que os precede e os que sucedem;
- Espaço simples para - citação longa, nota de rodapé, referências, legendas.
-  Dois espaço simples - entre uma referência e outra

Paginação
As folhas do trabalho devem ser numeradas seqüencialmente, em algarismos arábicos. A contagem será feita a partir da folha de rosto. A numeração, no entanto, deve aparecer somente a partir da primeira folha textual (introdução) e sendo consecutiva até o final do trabalho.
- De acordo com a NBR 14724 o número da página deve aparecer no canto superior direito da folha, a 2cm da borda superior.

2 - ESTRUTURA
A estrutura de um trabalho, de acordo com a
ABNT/NBR-14724, compreende três elementos:
* Pré – textuais,
* Textuais
* Pós textuais.

Elementos pré – textuais:
Capa, folha de rosto, dedicatória (opcional),
agradecimentos (opcional), epígrafe (opcional), resumo na língua vernácula (português), sumário.

Elementos textuais:
Introdução, desenvolvimento, conclusão.

Elementos pós textuais:
Referências 

2.1.1  CAPA - OBRIGATÓRIO
Deve apresentar as seguintes informações:  
• Nome da instituição - corpo de texto, tamanho 12 (Maiúscula). 
• Nome do autor - corpo de texto, tamanho 14 (Maiúscula). 15 
• Título – corpo de texto, tamanho 14 (Maiúscula); subtítulo (se houver) em letras 
minúsculas, com exceção da primeira letra de nomes  próprios e outros segundo as 
regras da gramática - corpo de texto, tamanho 14. 
• Local (cidade) e ano de defesa - corpo de texto, 12. 


Para a confecção da capa recomenda-se a seguinte padronização: 




2.1.2  FOLHA DE ROSTO – OBRIGATÓRIO
Nome do aluno
Centralizado, em negrito,em letras maiúsculas, Times ou Arial 14, a 1 “enter” da margem superior da página;

Título e Subtítulo
Centralizado e em negrito, grafado próximo ao meio da página. O título deve ser em letras maiúsculas e o subtítulo em letras minúsculas com a inicial maiúsculas Times ou Arial 14 ou maior;

Natureza
Apresenta a finalidade do trabalho. Deve ser grafado a 2 espaços duplos do título, Times ou Arial 12 e sem destaque, recuada a partir do centro da página para a direita e com espaçamento simples entre linhas.

Exemplo:
Trabalho apresentado para avaliação interdisciplinar
do “ Projeto Saúde Pública” do curso regular do ensino médio
da E. E. Celso Machado.
Professores Orientadores: (citar o nome dos dois padrinhos da turma)


2.1.3 DEDICATÓRIA - OPCIONAL 
Página onde o autor presta homenagem a uma ou mais pessoas.

Formatação:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Tamanho de letras 12
- Texto recuado a direita e bem rente a parte inferior da folha


2.1.4 AGRADECIMENTOS - OPCIONAL 
Agradecimentos a pessoas que contribuíram para o desenvolvimento do trabalho.

O título “AGRADECIMENTOS” deverá ser centralizado no alto da página, com letras em caixa alta e negrito.

Formatação do título:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Estilo de letras Caixa alta, negrito
- Tamanho de letras 12
- Alinhamento Centralizado

Formatação do texto:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Tamanho de letras 12               
- Espaçamento 1,5 cm
- Parágrafo 1,25
- Alinhamento Justificado

2.1.5  EPÍGRAFE - OPCIONAL 


Pensamentos retirados de um livro, uma música, um poema, normalmente relacionados ao tema do trabalho.
Deve ser elaborada conforme norma NBR 10520/2002 –
Apresentação de citações em documentos.
Se desejar, a epígrafe pode ser grafada em itálico.

Formatação:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Tamanho de letras 10
- Espaçamento Simples
- Alinhamento Recuada a 4 cm
- As epígrafes podem ser colocadas também nas folhas de abertura de cada seção primária.



2.1. 6  RESUMO EM PORTUGUÊS 


Apresentação concisa dos pontos relevantes do texto. Deve ressaltar o objetivo, o método, resultados e conclusões do trabalho.
Deve-se utilizar o verbo na voz ativa ou terceira pessoa do singular.

O título “RESUMO” deverá ser centralizado no alto da página, com letras em caixa alta e negrito.

Formatação do título:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Estilo de letras Caixa alta, negrito
- Tamanho de letras 12
- Alinhamento centralizado.

Formatação do texto:
- Tipo de letras Times ou Arial
- Tamanho de letras 12
- Texto Parágrafo único
- Extensão 150 a 500 palavras
- Espaçamento 1,5 cm
Ao final do resumo deve-se elaborar PALAVRAS- CHAVE representativas do conteúdo do trabalho, separadas entre si por um ponto.

2.1.7  SUMÁRIO - OBRIGATÓRIO


Sumário (elemento obrigatório) (NBR 6027/2003)
Listagem das seções textuais e pós-textuais que compõem o trabalho, e sua respectiva localização (página).
Incluir no sumário:

Elementos textuais: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão, Com numeração progressiva.

Elementos pós-textuais: Referências (obrigatório), Apêndices (opcional), Anexos (opcional) e Glossário(opcional), Sem numeração.

Todas as seções textuais são numeradas (Introdução, Desenvolvimento e Conclusão).
Os elementos pós-textuais não são numerados (referências, apêndices, anexos e glossário). 


2.2  ELEMENTOS TEXTUAIS  
Núcleo do  trabalho  em  que  é  exposta  a  matéria resultante do processo de investigação,   
os elementos textuais são constituídos de  três  partes  fundamentais: introdução, desenvolvimento e conclusão (NBR 1427,  2005, p. 6), intimamente relacionadas como partes 
de uma estrutura lógica e harmoniosa.

2.2.1  INTRODUÇÃO 
Parte inicial do  texto,  na  qual  devem constar   a delimitação  do  assunto  tratado,  a 
problematização,  objetivos  da  pesquisa  e  outros  elementos  necessários  para situar o tema do trabalho (NBR 1424, 2005,  p. 6).  

2.2.2  DESENVOLVIMENTO 
Parte  principal  do  texto que  contém  a  exposição  ordenada  e  pormenorizada  do assunto. 
Divide-se em seções e subseções que variam em função da abordagem do tema e do método 
(NBR 14724, 2005, p. 6).  


2.2.3 CONCLUSÃO 
Parte final do texto,  na  qual  se apresentam  as conclusões  correspondentes  aos objetivos  
ou  hipóteses.  É opcional apresentar  os  desdobramentos  relativos  à importância,  síntese,  
projeção,  repercussão,  encaminhamento  e  outros (NBR 14724, 2005, p.6). 

2.3 ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS 


2.3.1 REFERÊNCIAS - OBRIGATÓRIO 
Referência é o “conjunto padronizado de elementos retirados de um documento, que permite 
sua identificação individual” (NBR 14724, 2005, p. 2). Elaborado conforme a NBR 6023, 
consiste numa lista ordenada alfabeticamente das obras citadas no texto.  
Considerando que são muitas as formas de organização das informações indispensáveis para a identificação de documentos, as quais dependem sobretudo da natureza da fonte de 
publicação, seguem  exemplos de alguns casos específicos:   

3.1  DIVISÃO DO TEXTO
Os trabalhos acadêmicos são divididos em sua maioria por seções. A NBR 6024 estabelece 
alguns requisitos de apresentação que caracterizam a divisão das seções. Estas seções devem ser feitas de maneira clara e precisam expor  numa  sequencia lógica, por ordem de 
importância, o inter-relacionamento com o conteúdo, de modo a permitir  a localização 
imediata de cada parte do texto.  


Segundo a NBR 6024: 
a) os títulos das partes (seções) em que se divide o trabalho devem ser precedidos de um 
indicativo numérico segundo o sistema de numeração progressiva, sempre alinhados à 
esquerda, e  começar sempre por um numero inteiro (ex.: 1); 
b) devem-se utilizar números arábicos para enumeração das seções/subseções, bem como o 
ponto para divisão e consequente subordinação das seções (ex. 1.1); 
c) o indicativo de seção precede o título, dele separado por um espaço de um caractere; 
d) não deve ser utilizado qualquer sinal (hífen, travessão ou ponto) entre o indicativo 
numérico da seção e o seu título.         
e) não se usa ponto final em títulos e subtítulos;
f) a apresentação das seções e subseções (títulos e subtítulos) deve ser diferenciada 
tipograficamente utilizando recursos como negrito,  itálico, grifo, caixa alta, versalete, 
dentre outros. A escolha é livre, desde que seja padronizada no trabalho todo. 
Recomenda-se que os títulos das  seções primárias sejam em maiúsculas. Cada nível de 
seção deve seguir sua própria padronização;  
g) os títulos sem indicativo numérico (ilustrações, sumário, resumo, referências e outros) 
devem ser centralizados na página; 
h) todas as seções principais têm que iniciar em folha distinta, mesmo que haja espaço útil 
disponível na folha precedente; 
i) no Sumário, os títulos das seções e sua enumeração devem estar na mesma ordem e 
grafia do corpo do texto;   
j) por fim, a norma estabelece limitar o número de seções até a quinária, ou seja, no 
máximo cinco vezes (ex. 1.1.1.1.1).

Formatação da lista de referências (elemento obrigatório) (NBR 6023/2002)
Referências é o conjunto de elementos que identificam as obras utilizadas na elaboração do trabalho. Todas as obras citadas no trabalho (no corpo do texto, nas fontes de ilustrações e tabelas ou em notas de rodapé) devem compor a listagem das referências.

As referências devem ser apresentadas em uma única ordem alfabética, independentemente do suporte físico (livros, periódicos, publicações eletrônicas ou materiais audiovisuais) alinhadas somente à esquerda, em espaço simples, e espaço simples entre elas.

O título “REFERÊNCIAS” deverá ser centralizado no alto da página, com letras em caixa alta e negrito.

Formatação do título:
- Tipo de letra: arial ou times
- Estilo: Caixa alta, negrito
- Tamanho: 12
- Alinhamento : centralizado

Formatação do texto:
- Tipo de letra: arial ou times
- Ordenação: ordem alfabética
- Tamanho: 12
- Alinhamento : somente a direita
- Espaçamento: espaço simples e um espaço simples entre uma citação e outra.

Livros
-          Padrão: SOBRENOME DO AUTOR, prenomes. Título: subtítulo. Edição. Local: Editora,ano.

    Exemplos:
-          MARTINS, Gilberto de Andrade. Manual para elaboração de monografias e dissertações. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

-          MARION, J. C. Contabilidade empresarial. 10. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

Enciclopédias e dicionários
-          Padrão: TÍTULO: subtítulo. Edição. Local: Editora, ano.
Exemplo:
MICHAELIS: dicionário prático: inglês-português, português-inglês. 18 ed. São Paulo: Melhoramentos, 1998.

Artigos ou matérias de periódicos
Padrão: SOBRENOME DO(S) AUTOR(ES), Prenome(s). Título do trabalho: subtítulo.
Título do periódico, local, volume, fascículo, página inicial e final do artigo, período e data de publicação.
Exemplo:
MARTINS, Gilberto de Andrade. Abordagens metodológicas em pesquisas na área de Administração. Revista de Administração da USP, São Paulo, v. 32, n.3, p. 5-12, julho/setembro, 1997.

Documentos eletrônicos
Trabalho com indicação de autoria
Padrão: AUTOR, prenomes. Título. Outros dados, data. Disponível em: <www.endereço do site>. Acesso em: dia, mês, ano.
Exemplos:
PAES, Pereira. A permanência de animais nos condomínios. Direitonet. Disponível em <www.direitonet.com.br>. Acesso em: 15 mai 2002.
Sítio institucional
Padrão: INSTITUIÇÃO. Conteúdo do sítio. Título. Outros dados, data. Disponível em: <www.endereço do site>. Acesso em: dia, mês, ano.
Exemplo:
IBGE. Sítio eletrônico da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.
Relatório da Pesquisa de Domicílios 2005. <www.ibge.gov.br> . Acesso em 15 mar 2005.


4- CONFIGURANDO O TRABALHO NO EDITOR DE TEXTOS
O editor de texto mais utilizado para a digitação de trabalhos acadêmicos é o Microsoft Word. 
Para facilitar a sua aplicação nestas normas de formatação, serão apresentadas algumas 
instruções de uso: 
Para ajustar o tamanho do Papel e as Margens: 
1. Clique no menu Arquivo. 
2. Em seguida, clique em Configurar página...
3. Na guia Margens defina o tamanho das margens de acordo com a norma: 
• Superior: 3 cm; 
• Esquerda: 3 cm; 
• Direita: 2 cm; 
• Inferior: 2 cm; 
4. A orientação do Papel deve ser a Retrato; 
5. Para configurar o tamanho do papel, clique na guia Papel; 
6. Selecione o tamanho A4; 
7. Clique em Ok para finalizar estas configurações. 





5-  ESPACEJAMENTO E TIPOGRAFIA 

A ABNT não especifica o tipo de fonte, contudo costuma-se usar Times New Roman ou Arial. 
Sugerimos digitar ou selecionar da lista a fonte  Times New Roman . O tamanho de fonte 
recomendado pela ABNT é 12 para o texto,  com espaço entre linhas de 1,5 cm, e tamanho 
menor e espaço simples  para citações com mais de três linhas, notas de rodapé, paginação e 
legendas de ilustrações e tabelas.  
Para facilitar a formatação do texto, o Word utiliza recursos de configuração de estilos que 
são instruções previamente definidas que alteram automaticamente as partes de um texto ao 
qual são aplicadas pelo usuário.Vejamos a seguir como fazer isso  . 


5.1 CONFIGURANDO ESPACEJAMENTO E TIPOGRAFIA
No editor de textos MS Word podemos configurar o espacejamento e a tipografia padrão 
alterando o modelo de estilo Normal. Vamos modificar o estilo padrão do Word aplicado ao 
texto chamado Normal. 
1. Clique em Formatar e depois na opção Estilos e formatação; 
2. Irá surgir uma caixa de opções no canto direito do programa; 
3. Na caixa “Escolher formatação a ser aplicada” localize o estilo Normal. 
4. Clique no botão que surge no lado direito do estilo quando você coloca o mouse sobre 
o mesmo. Escolha a opção Modificar. 
5. Na região de formatação, selecione a fonte Times New Roman, o tamanho do corpo 
12, o alinhamento justificado e o espaçamento entre linhas de 1,5 cm. 
6. Para finalizar, clique em OK. 
7. Depois, selecione os blocos de texto nos quais você queira aplicar a formatação e 
selecione o estilo Normal para inserir seu efeito.





5.2. CONFIGURANDO OS PARÁGRAFOS

Não existe uma norma específica para padronização dos parágrafos, ficando a critério do 
autor estabelecer a padronização desejada. Recomendamos um recuo de 1,5 cm que facilita a 
visibilidade do mesmo. Este pode ser configurado na opção “Parágrafo” que fica na parte 
inferior à esquerda da janela de Modificação de Estilos. 


5.3 CONFIGURANDO O ESPACEJAMENTO DE CITAÇÕES
As citações diretas com mais de três linhas devem aparecer em um bloco separado do texto. 
Como vimos, nesses casos o espacejamento entre linhas é simples e o tamanho da fonte  deve ser menor que o do texto normal. Recomendamos o tamanho de fonte 10. 
  
Para configurar o estilo das citações diretas com mais de três linhas siga estes passos: 
1. Novamente na caixa de Estilos e formatação, clique no botão Novo Estilo; 
2. Nomear o novo estilo como “Citações”; 
3. O estilo para parágrafos é “Normal”; 
4. Clique no botão “Formatar” e em “Parágrafo”; 
5. No recuo, configurar para 4 cm à esquerda e espaçamento entre linha simples. 
6. Clique em OK para finalizar; 
7. Depois, selecione o bloco de texto desejado e escolha o estilo “Citações” para aplicar 
ao texto escolhido. 

6  FORMATO DA DIVISÃO DO TEXTO 
Para facilitar a formatação final do TCC, transcrevemos a seguir a NBR 14724  (p. 8) sobre o 
formato dos títulos e subtítulos (seções e subseções)  conforme a NBR 6024 (ver a descrição  
desta norma na   p. 34 deste Manual) .  


Indicativos de seção (6.3.2) 
O indicativo numérico de uma seção precede seu título, alinhado à esquerda, separado por um 
espaço de um caractere. 


Títulos sem indicativo numérico (6.3.3) 
Os títulos sem indicativo numérico – errata, agradecimentos, lista de ilustrações, lista de 
abreviaturas e siglas, lista de símbolos, resumos, sumário, referências, glossário, apêndice(s) 
anexo(s) e índice – devem ser centralizados, conforme a ABNT NBR 6024.  
  
Elementos sem título e sem indicativo (6.4)
Fazem parte desses elementos a folha de aprovação, a dedicatória e a epígrafe. 

7.1 CONFIGURANDO OS ESTILOS DE DIVISÃO DO TEXTO
Agora, vamos entender como configurar os estilos das nossas seções. Aqui iremos apresentar 
um modelo de formatação usado neste manual e que você pode seguir. Primeiro, vamos 
definir como será a padronização a ser seguida na formatação das seções primária, secundária 
e terciária. Sendo assim, optamos pelos seguintes itens: 
Seção Primária: Caixa alta (todas as letras em maiúsculas), fonte tamanho 12, precedido do 
indicativo numérico correspondente.
Seção Secundária: Versalete, fonte tamanho 12, precedido do indicativo numérico 
correspondente.
Seção Terciária:  Versalete, itálico, fonte tamanho 12, precedido  do indicativo numérico 
correspondente.  

Para cada seção iremos criar um estilo novo. Com o nosso programa aberto, clique no menu 

Formatar e em seguida Estilos e Formatação...
Com certeza você já está familiarizado com esta janela. Clique em Criar Novo Estilo. Dê o 
nome para o estilo como “Seção Primária”. Depois, estabeleça toda a formatação de fonte e 
parágrafo para este estilo, obedecendo a padronização que definimos acima. 
Faça a mesma coisa com os outros estilos. Quando você concluir, verá que os nomes destes 
novos estilos irão surgir na caixa de diálogo Estilo no lado direito da tela do Word. Quando 
você quiser utilizá-los, basta apenas clicar em cima de um deles e digitar o título. Para voltar a 
digitar o texto normal, clique no estilo “Normal” na mesma janela de listagens. 


8 PAGINAÇÃO  
As páginas do seu trabalho acadêmico devem ser numeradas segundo a  NBR 14724. Esta 
numeração inicia-se na folha de rosto que, assim como outros elementos pré-textuais, são 
contados, mas não numerados. A numeração aparece na parte textual, em algarismos arábicos mantendo-se a sequência numérica nas folhas pós-textuais do trabalho, a despeito do número de volumes. 
A regra estabelece que os números sejam identificados  no canto direito superior da folha, a 2 
cm da borda superior, ficando o último algarismo a 2 cm  da margem direita. Para produções 
com mais de um volume, a numeração deve ser seqüencial, até os elementos pós-textuais do 
trabalho. 
Para você fazer esta configuração da margem onde o número deve aparecer, siga os seguintes  procedimentos. 
1. Vá até o menu Arquivo e em seguida, Configurar página...
2. Na guia Layout, aumente a distância do cabeçalho para 2 cm.
3. Em seguida, clique em OK para finalizar. 





8.1 INSERINDO A PAGINAÇÃO 
Para inserir o número da página, desde o início do seu trabalho você deve separar as mesmas 
por  quebra de seção. As quebras de seção servem para você separar os elementos de seu 
trabalho como capa da folha de rosto, do sumário, da folha de aprovação e, inclusive, 
capítulos. Muitas vezes, capítulos acabam terminando na metade de uma página. É errado 
você utilizar a tecla “Enter” para criar uma nova página e continuar o texto. Em vez disso, 
utilizaremos a quebra de seção. Com isso, podemos ocultar o número da página que não pode ser exibido, mas que deve ser contado na sequência, de acordo com a norma NBR 14724. 
Para inserir a quebra de seção: 
1. Coloque o curso que pisca, o de digitação, na última palavra da página que você deseja 
separar. 
2. Clique no menu Inserir; 
3. Clique na opção Quebra; 
4. Na janela da Quebra, marque a opção Próxima página;

Depois de criarmos a quebra de seção, iremos inserir o número da página. Se você estiver em uma seção de seu trabalho que não deve aparecer na mesma, então simplesmente você terá que desmarcar uma opção na janela de numeração de página. Vejamos como isso acontece: 

Para inserir números de página: 
1. Clique na página onde você deseja contar a numeração, mas que não aparece o 
número. 
2. Clique no menu Inserir; 
3. Clique na opção Numeros de página...; 
4. No item Posição da janela, escolha a opção “Início da página (cabeçalho)”; 
5. No alinhamento, escolha a opção “Direita”; 
6. E, caso não queira que o número apareça na página,  desmarque a opção “Mostrar 
número na primeira página”. 
9 SIGLAS  
A utilização de siglas deve ser feita de forma que  o leitor saiba seu significado no texto. 
Quando usada pela primeira vez, o nome completo precede a sigla, que é colocada entre 
parênteses. Por exemplo: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

10-  O USO DE ILUSTRAÇÕES 

As ilustrações são entendidas como gráficos, desenhos, mapas, fotografias, lâminas, quadros, 
plantas, retratos, organogramas, fluxogramas, esquemas ou outros elementos autônomos e 
demonstrativos de síntese, necessárias à complementação e melhor visualização do texto. 
Segundo a norma brasileira, toda a ilustração deve  ser identificada no texto com uma 
respectiva legenda. 
A legenda das ilustrações deve ficar localizada na parte inferior da mesma. Sua característica 
é designar a palavra referente à ilustração com um  número seqüencial progressivo arábico, 
por exemplo, Foto 1. 
  
As ilustrações devem aparecer o mais perto possível do texto ao qual ela faz referência e deve 
ser destacada com dois espaços simples antes e depois do texto principal.


No Word, trabalha-se com ilustrações da seguinte maneira: 
1. Clique no menu Inserir. 
2. Em seguida Imagem do arquivo.
3. Escolha a ilustração e dê um OK. 
4. Clique na ilustração que você inseriu no trabalho. 
5. Vá até o menu Inserir novamente e clique em Referências. 
6. Depois em Legenda. 
7. Crie o nome da legenda e depois clique em OK para concluir. 
Você verá que uma legenda foi inserida em sua ilustração. 


11 -   TABELAS  
Para a confecção e apresentação de tabelas nos trabalhos acadêmicos, a ABNT estabelece a 
utilização dos padrões adotados pelo IBGE: toda tabela deve ter significado próprio, 
dispensando consultas ao texto e estar o mais próximo possível do trecho a que se refere:  
1. O título deve ser precedido pela palavra Tabela, seu número de ordem em algarismos 
arábicos e hífen.  
2. As tabelas podem ser numeradas consecutivamente por capítulo ou no documento  
como  um  todo.  Quando a numeração for  feita  por capítulo,  o  número  de  ordem  
deve  ser  precedido  do  número  do capítulo e um ponto.  
3. A tabela deve ser colocada preferencialmente em posição vertical, facilitando  a  
leitura  dos  dados.  Caso não haja espaço suficiente, deve ser colocada em posição 
horizontal com o título voltado para a margem esquerda da folha.  
4. As fontes consultadas para a construção da tabela e outras  notas devem ser colocadas 
após o traço inferior. 





3 comentários: